Projeto Bem Viver faz abertura da campanha “Agosto Lilás” no UNI-RN - Centro Universitário do Rio Grande do Norte - UNI-RN
  • ACESSIBILIDADE:
  • Aumentar Fonte
  • Tamanho original
  • Diminuir Fonte
  • Contraste

08.08.2018

Projeto Bem Viver faz abertura da campanha “Agosto Lilás” no UNI-RN

Dando início às atividades da campanha “Agosto Lilás”, o projeto de extensão Bem Viver promoveu, na quarta-feira (08), uma palestra sobre “Violência de gênero e a lei Maria da Penha”. Neste mês serão desenvolvidas ações diversas para conscientizar a população sobre os tipos de violência doméstica, os direitos das mulheres e, sobretudo, orientar que a culpa não é da mulher, mas do potencial agressor.

Durante a palestra foram abordados os tipos de violência doméstica, seja ela física, psicológica ou até mesmo patrimonial, além de relembrar sobre a luta das mulheres, como o caso Maria da Penha. Ao longo da atividade, os participantes do projeto também tiveram um momento lúdico e de interação.

Para a assistente social Lindicéia Gomes, é preciso conscientizar todas as gerações para que a violência contra a mulher dê um basta. “Decidimos iniciar as atividades com o Bem Viver, pois os participantes podem passar todas as informações para a família. Não é cabível em lugar nenhum, em situação nenhuma, que essa mulher seja machucada, maltratada, desvalorizada, desrespeitada, pelo simples fato de ter nascido mulher”, enfatiza.

Mulher, a culpa não é sua. É do agressor.

Conheça o projeto

Voltado à pessoas com idade acima de 60 anos, o Bem Viver existe há mais de cinco anos, promovendo a qualidade de vida dos participantes, sendo coordenado pela psicóloga e professora Acácia Brito.

O projeto reúne os seus integrantes uma vez por semana, às quartas-feiras a partir das 8h, com atividades multidisciplinares. Dentro da programação, os participantes têm a disposição diversas áreas das Clínicas, como os laboratórios de fisioterapia, nutrição e psicologia, além de aulas lúdicas e atividades fora da instituição, como passeios e caminhadas.

Essas atividades são realizadas pelos alunos do UNI-RN, sob a supervisão dos professores, e são uma ótima forma de atuação prática. O programa envolve profissionais especializados em fisioterapia, enfermagem, nutrição, educação física, psicologia e serviço social.


SIM, OBRIGADO!